Comentários

(5)
Cláudia Simões Advogada, Advogado
Cláudia Simões Advogada
Comentário · há 6 meses
Boa tarde. confesso que o assunto é novo aqui no site e o debate poderá ser intenso. Mas o assunto não é novo pelo mundo afora, lembrando do grande sucesso musical de Beyoncé If I were a boy, que traduzido rapidamente significa:
Se Eu Fosse Um Garoto
Se eu fosse um garoto
Mesmo que só por um dia
Eu levantaria da cama de manhã
E vestiria o que eu quisesse e iria
Beber cerveja com os caras
E paqueraria garotas
Sairia com quem eu quisesse
E eu nunca teria que ser encarada por isso
Porque eles ficariam do meu lado
Se eu fosse um garoto
Eu acho que poderia entender
Como é amar uma garota
Eu juro que seria um homem melhor
Eu a escutaria
Porque sei como dói
Quando você perde alguém que queria
Porque ele não te dá valor
E tudo que você tinha foi destruído

Se eu fosse um garoto
Eu desligaria meu telefone
Diria a todos que ele está quebrado
Então eles iriam pensar que eu estava dormindo sozinho
Me colocaria em primeiro lugar
E faria as regras pra seguir
Porque sei que ela seria fiel
Esperando que eu volte pra casa,
Que eu volte pra casa
É um pouco tarde demais para você voltar
Dizer que foi apenas um erro
Pensar que eu perdoaria você assim
Se você pensou que eu esperaria por você
Você pensou errado
Mas você é apenas um garoto

Se meu juízo, não me traiu, o livro Os Maias de Eça de Queiros, a personagem Miss Sara, também se dedicava a seduzir escravos negros para relações sexuais, logicamente longe da sociedade aristocrata.

Não é de hoje que esse assunto é evitado, talvez para não constranger homens brancos, talvez pq homens negros, sejam apenas negros. (captaram a mensagem né)
Não sei, cada um sabe de sua opinião, mas o que me incentivou ao comentário do assunto foram as opiniões, sem argumentos, me desculpem, podem ou não concordar com assunto, mas não pequemos por falacias envenenas por abalo de virilidade, ou por preconceito, ou por machismo, ou por feminismo, questões religiosas, enfim.
Confesso que não sei se concordo com o parecer da colega, em alguns pontos, vou refletir sobre o assunto, para formar meu argumento, para melhor contribuir para o debate, mas de forma alguma me sinto a vontade de ataca-lo sem o minimo de argumentos validos.
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em São Paulo (SP)

Carregando

Cláudia Simões Advogada

Av. São Miguel nº 4260 - São Paulo (Estado) - 03870-100

Entrar em contato